Confira a diferença entre contabilidade gerencial e financeira

4 minutos para ler

A contabilidade é uma importante aliada dos gestores na tomada de decisão. No entanto, para que os empreendedores consigam usufruir de todas as informações que ela dispõe é necessário compreender a diferença entre contabilidade gerencial e financeira.

Essa ciência tem por principal objetivo o controle do patrimônio, analisando e mensurando as mudanças quantitativas e qualitativas desse item. A partir disso, torna-se capaz de decidir o que precisa ser alterado ou mantido na gestão dos bens e direitos ou dos deveres e obrigações. Tudo para garantir a saúde financeira do empreendimento.

Neste post, trazemos algumas informações essenciais para que você entenda a diferença entre contabilidade gerencial e financeira. Leia atentamente e confira!

O que é a contabilidade financeira?

Essa modalidade de escrituração é focada basicamente nas obrigatoriedades do serviço contábil. Além de serem exigidas, elas são determinantes para demonstrar a evolução e os resultados do negócio para os usuários externos.

Ela só consegue relatar esses números por meio dos demonstrativos contábeis, que são determinados pelo Fisco e pelos agentes reguladores da contabilidade. São eles:

  • balanço patrimonial;
  • demonstração do resultado do exercício;
  • demonstração do fluxo de caixa.

Com base nesses relatórios, os gestores podem visualizar se a empresa teve lucro ou prejuízo, valores de tributação, modificações de caixa, solvência do empreendimento, entre outros itens.

O que é a contabilidade gerencial?

Com o passar do tempo, as empresas precisaram de mais e mais artifícios para projetar ações e conseguir manter-se firme frente aos concorrentes e às instabilidades do mercado. Logo, apenas as informações financeiras já não eram suficientes.

Nesse momento, a contabilidade gerencial surgiu com mais força, trazendo informações específicas para o público interno e mensurando e demonstrando tudo sobre o negócio por meio de indicadores, relatórios e gráficos.

Ela capta os números e os transforma em informações, possibilitando aos empreendedores um planejamento estratégico, com ações focadas para áreas determinadas.

Qual a diferença entre contabilidade gerencial e financeira?

Que ambas são essenciais dentro de uma empresa, isso é indiscutível. Contudo, para que os resultados sejam proveitosos, é fundamental entender o que cada uma delas disponibiliza e como aplicar nos negócios. 

Abaixo, veja as principais diferenças entre elas!

Tempo

A contabilidade financeira trabalha com dados históricos, recolhendo todas as mutações ocorridas durante o exercício e apresentando por meio dos relatórios. Por outro lado, a contabilidade gerencial utiliza as informações financeiras para projetar um orçamento futuro.

Relatórios

Como mencionamos, a vertente financeira divulga seus dados por intermédio dos demonstrativos contábeis, obrigatórios na maioria das instituições. Além disso, dependendo do modelo empresarial escolhido, o empreendimento deverá publicar seus relatórios contábeis em meio público.

Já as informações gerenciais não utilizam relatórios padronizados, mas sim apresentam os itens conforme a necessidade do público interno, de forma específica para cada empreendimento, ou seja, são de cunho particular.

Informações

As informações apenas de condição monetária são demonstradas na contabilidade financeira. Já a contabilidade gerencial traz os dados monetários e os não monetários, permitindo uma análise mais aprofundada das atividades e disponibilizando indicadores gerenciais de diversas áreas.

Os gestores que souberem aplicar as orientações emitidas tanto pela contabilidade financeira como pela contabilidade gerencial estarão um passo à frente dos demais, na medida em que elas são cruciais para cumprir com as obrigações, além de promoverem dados que direcionam para tomadas de decisão mais precisas.

Agora que você sabe a diferença entre contabilidade gerencial e financeira, o que acha de continuar adquirindo conhecimento lendo sobre gestão financeira e como ela ajuda as empresas?

Você também pode gostar

Deixe um comentário